Felipe Keels Imprimir
Avaliação do Usuário: / 0
PiorMelhor 
Releases - Música
Escrito por nossomundo   
Qua, 02 de Março de 2011 20:05

FFelipe Keels - Como Seriaelipe Keels já está a 10 anos na caminhada.

Começou com 10 anos a fazer RAP Gospel, e o que era diversão acabou se tornando seu estudo, motivação, alegria, revolta, trabalho, hobby, ou seja, sua vida. Tendo passado por um grupo de rap chamado Aliança Verbal, lá ficou por 5 anos. Nestes 5 anos lançou um disco onde teve 3 produções suas, e escreveu todas as músicas. Algumas como participação, e outras como produtor executivo. Ao longo desses anos se desgostou do rumo que sua musica tomou. Foi nesse momento que decidiu fazer carreira solo, se aprofundando mais na musica e se desprendendo de nomenclaturas e vertentes.

Começou a cursar produção musical, se tornou um dos colaboradores do selo RECLIVRE, onde no final de 2010 foi presenteado por Deus com a inspiração para começar a escrever as 8 faixas de seu EP que vai se chamar VIVER, acreditando que a musica é o maior meio de informação, não querendo mudar o mundo, mas sim, apenas juntar pessoas que se identificam com as idéias, e que não concordam também, para debater os pensamos e chegarmos a um denominador comum. Pois acredita que sempre temos algo a aprender, focando na simples arte de viver, e sendo melhor que nós mesmos, podemos ser, com a ajuda de Deus.


Lançou seu primeiro single chamado "Como Seria", em dezembro 2010. E recentemente o single Vive "Vive. Ambas farão parte do EP que será lançado ainda em 2011.Felipe Keels - Vive

 


A parte técnica do EP, e as produções serão por conta do próprio Felipe e Chiocki. As gravações serão feitas no studio ReCLivre , a mixagem e masterização ficará por conta do próprio Felipe Keels .

 

Como produtor, ele comercializa seus instrumentais e idealiza um disco com produções próprias e alguns mc’s que pretende convidar.

Ouça as musicas do artista clicando no link: Felipe Keels.

Contato:

Twitter: @felipekeels
Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.
Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.