Home
Este Sítio Web é acessível via IPv6!
webmail @nossomundo.net

Abra uma conta!

Em caso de dúvidas, sugestões, reclamações, ou para Apoiar o Projeto, FALE CONOSCO pelo telefone +55 31 99794-1374 ou pelo e-mail contato@nossomundo.net

Nós temos 84 visitantes online

Editores

  • nossomundo nossomundo

    informação, lazer e cultura.

    Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.
Watch videos at Vodpod and more of my videos
Qual a sua opinião sobre o site?
 
Você vota pela continuidade do Diretório: SITE.NOSSOMUNDO.NET
 



Entrevista com Rashid PDF Imprimir E-mail
Matérias - Entrevistas
Escrito por nossomundo   
Qua, 21 de Julho de 2010 16:16

Mc Rashid

Entrevista, Por Vitor Reis.

NM(NossoMundo): De onde veio o MC Rashid, e como você começou a fazer Rap?
MCRashid: Comecei a escrever com 12 anos. Escutava muito Racionais, RZO e algumas coisas do Rap Gospel, e era apaixonado por aquilo, realmente eu sonhava com essa parada de estar fazendo um show grande um dia, conhecer meus ídolos, trabalhar 24 hrs por dia com música. E quando resolvi tentar e me envolver mais sériamente, surgiu o nome 'Rashid', que significa 'de fé verdadeira, justo, verdadeiro'. Acredito que o nome tem bastante a ver com meu trabalho.

NM: No caminho do Hip Hop, o que você encontrou de mais importante?
MCRashid: Encontrei gente que trabalha sério. Consegui me aproximar de alguns deles e isso é inspirador pra mim.

NM: Sabendo que você já disputou e venceu várias batalhas de Mc´s. Fale um pouco sobre o siginificado do freestyle em sua carreira.
MCRashid: Freestyle é tudo irmão. Tudo começa e nasce de um freestyle. As primeiras rimas na sua cabeça, as primeiras linhas de uma nova música, os primeiros passos de uma criança. Freestyle é tudo dentro da minha música, é o que me ensinou a estar 'pronto' pra qualquer parada 24 hrs por dia.

NM: Quais são suas influências musicais, e o que elas te ensinaram sobre música?
MCRashid: Minhas influências maiores hoje são meus amigos, graças a Deus. Kamau, Marechal, Pentágono. Esses eu escuto ha muitos anos e hoje posso trabalhar com eles. Tem os que começaram comigo, como o Projota. São minha família, e minha família na rua e a família de sangue são minha inspiração pra trabalhar. Tem alguns gringos também, que me influenciam no sentido de buscar mais qualidade nas músicas e mais técnica, pois disso eles entendem. Jay-Z, Nas, Rakim, 50 Cent, Sean Price, Drake, J. Cole, Jay Electronica. Eles rimam muito também, mais aqui somos muito mais preocupados com conteúdo do que eles, isso é o nosso forte.
Isso sem citar os mestres, Racionais. E fora do Rap, Cartola, Adoniram, Roberto Carlos, Seu Jorge. Essa lista vai longe...

NM: Quais mensagens você pretende transmitir através das suas letras?
MCRashid: Eu quero que as pessoas sintam o que eu senti no momento em que peguei a caneta pra escrever. Quero que visualizem a situação e se sintam dentro do 'filme'. E dentro desse filme, tento falar coisas relevantes que inspirem as pessoas a lutar por uma melhora. Não importa se é uma história de amor ou de ódio, acredito que as pessoas precisam sentir a música, e então vivê-la como eu a vivi.

NM: Sobre o álbum “Hora de acordar”, nos conte sobre a produção do disco, e como foi sua distribuição.
MCRashid: Toda a produção e distribuição foi independente. Gravei a maioria das faixas no estúdio da organização um só caminho, na cidade de Niterói/RJ, e algumas gravei no TDL Estúdio com o Apolo. E ainda trabalhamos no Estúdio 360 Graus do Dj Caique também.
Tudo com pessoas que estão junto de verdade e trabalhando pelo bem da música, sem ego.
E a distribuição ainda está acontecendo, de mão em mão, no boca a boca que funciona muito bem na nossa cena, em algumas lojas de confiança e revendedores de outras cidades. O fundamento é a expansão, e estamos conseguindo chegar a muitos lugares com esse disco. Agradeço a todos que tornaram isso possível!

NM: Existe projeto de próximo álbum? Qual a previsão do lançamento?
MCRashid: Sim.. A previsão é novembro. Vai ser uma parada especial, mais não posso adiantar nada ainda.

NM: Hoje em dia é melhor vender CD´s ou Shows, E qual abertura o mercado tem dado para o RAP. Qual a sua opinião?
MCRashid: O mercado abre as portas pra quem se foca e trabalha. O Emicida provou isso com sua mixtape que foi um fenômeno de vendas. Mais com certeza o melhor é vender shows, isso em todos os ramos. Digamos que a Cláudia Leite cobre 100 mil por show e faça 15 shows por mês. Quanto tempo ela levaria pra ganhar esse dinheiro vendendo CD's, sendo que os CD's estão a venda por 15 R$ e ela ganha só uma porcentagem disso. Claro que no Rap, tratamos de números e porcentagens menores. Mas mesmo assim, os shows alimentam a música do artista (alimentam literalmente e financeiramente), e o CD faz com que a música chegue às pessoas.

NM: Pra você, o que era o Movimento Hip Hop no Brasil antes dos encontros de batalhas, e o que é o MH2 hoje?
MCRashid: Na verdade as batalhas estão aí à muito tempo, mais agora estão em evidência. O Hip-Hop no Brasil cresceu muito em número, ganhamos adeptos e temos que trabalhar pra manter esses adeptos e ganhar novos. Tem muita gente de olho grande, mais tem muita gente séria também, e é por esse que nós temos que fazer valer.

NM: O que você espera da Cultura H2 num futuro próximo?
MCRashid: Primeiramente espero que tenhamos um futuro, então precisamos trabalhar agora pra chegarmos lá bem. É difícil falar de futuro, não gosto muito por que sou um cara que vive o momento, focado pra que se o amanhã chegar, que ele seja melhor do que hoje. Essa é minha filosofia.

Obrigado pelo espaço família. Muita luz a todos que trabalham pra viver de Hip-Hop e manter ele vivo. Tamujunto!
Um só caminho...

RELEASE DO ARTISTA

Telefone de contato: 11 7981-9762
E-mail: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.
Site: www.umsocaminho.com.br
myspace: www.myspace.com/mcrashid

 

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar


Previous Next
Conheça o Parque Municipal das Mangabeiras
Parque das MangabeirasMais conhecido como "Parque das Mangabeiras" é um dos principais pontos turísticos da cidade de Belo Horizonte. Localizado no Bairro Mangabeiras, próximo à "Praça do Papa". Leia mais...
Conheça o Museu de Artes e Ofícios

Museu de Artes e Ofícios de Belo HorizonteLocalizado na Estação Central de Belo Horizonte. O Museu de Artes e Ofícios reúne objetos e instrumentos que contam a história das profissões, e exprimem o trabalho realizado no período pré-industrial Brasileiro.
O Museu fica aberto para visitação de terça a domingo.

Sexta Feira é dia de Duelo
Toda sexta-feira é dia de Duelo de Mc´s no Palco do Viaduto de Santa Tereza. O encontro reúne B-Boys, B-Girls, Lockers, Popers, Djs, Mcs, Grafiteiros, Hip Hopers e adeptos da cultura underground Belo Horizontina. Confira a programação.

DOE E ANUNCIE NO SITE

Please consider supporting our efforts to maintain the site and our next projects. (en-US) Por favor considerar apoiar nossos esforços para manter o site e os nossos próximos projetos. (pt-BR) Donate values: $ 0,00 Valores doados: $ 0,00

Amount: 

Powered by OSTraining.com

Observatório

Publicidade

Rádio


Stop Stream

Parceiro

Bruno Play Tatoo

Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.